AVC

AVC é a sigla de Acidente Vascular Cerebral, a segunda maior causa de mortes no Brasil, resulta da redução ou do comprometimento da irrigação sanguínea do coração para o cérebro, o que causa danos ou lesão cerebral, podendo deixar o paciente com diversas seqüelas, muitas delas incapacitantes. Apesar dos avanços da tecnologia na área médica não existe ainda tratamento eficaz para este problema.

AVC

AVC

O AVC é uma manifestação patológica súbita que tem origem arterial, podendo ser um AVC isquêmico ou hemorrágico. Quando a irrigação sanguínea do cérebro fica comprometida, diminui ou é interrompida acontece o AVC, se a artéria se rompe e há sangramento, o sangue se espalha no cérebro e acontece que se chama AVC hemorrágico, que são os casos mais graves, com maior incidência de óbito, quando a irrigação sanguínea diminui ou é interrompido mas a veia não se rompe o AVC é isquêmico ou a doença que conhecemos como isquemia. Em qualquer dos casos há lesões no cérebro que podem ser de diferentes dimensões, com diferentes conseqüências, causando alterações neurológicas, que podem ser motoras, sensitivas, na linguagem, mental, pode haver problemas de memória, enfim, as conseqüências do AVC são muito variadas em cada paciente acometido desse mal, dependendo especialmente do local do cérebro onde ocorre a lesão e da extensão do cérebro que foi atingida, podendo causar paralisia cerebral.

Acidente Vascular Cerebral Isquemica

Acidente Vascular Cerebral Isquemica

Algumas pesquisas cientificas da área saúde comprovam que o AVC é um dos maiores fatores de risco de incapacidade na velhice, somente 20% dos casos de acidente vascular cerebral atingem pacientes com menos de 65 anos, e na faixa etária menor atinge muito mais as pessoas de raça negra. Os fatores de maior risco para o AVC são na ordem a idade, e os problemas de saúde como coração, incidência de diabete mellitus, aterosclerose, indivíduos com história familiar da patologia, raça, uso de anticoncepcionais, hipertensão arterial, pacientes sedentários, alcoolismo, colesterol e questões genéticas.

AVC Hemorragica

AVC Hemorragica

Os sintomas do AVC são diferentes de acordo com os fatores que ocasionam a patologia, mas os mais importantes são a fraqueza de braço, perna ou da face de forma individual ou em conjunto. Essa fraqueza pode ser acompanhada de outros sintomas como disturbios visuais, que geralmente acometem apenas um olho, assim como a perda de sensibilidade, a dormencia de algum membro que pode ser confundida com a fraqueza e também as alterações da fala que são muito comuns em pacientes em processo de AVC. Em casos de AVC hemorrágico pode acontecer também convulsões. O diagnóstico médico é feito com exames fisicos associados a história pregressa do paciente, entretanto os sintomas citados acima, mesmo sem nenhum fator de risco associado podem sugerir o acidente vascular cerebral, e os agentes de saúde devem estar preparados para reconhecer os sintomas principais do AVC, podendo desta forma auxiliar no tratamento de urgencia e emergencia.

5 comentários

  1. Carlos Fagundes da Silva

    Entendir a diferença dos dois AVCs. Tenho um irmão que foi submetido a uma cirurgia de reparo da Orta, ou seja, teve que fazer a retirada de um pedaço da veia que estava delatada e colocou um tubo ( não sei como falar cientificamente), e no decorrer da cirurgia meu irmão teve um AVC: só que ele não enxerga, ficou com os braços tortos, não fala, não anda, é agoniado, inqueto de mais, na mesma hora que está deitado se levanta, não dorme, os remédios que está tomando para acalmar não faz efeito e está muito agressivo. O médico nos disse que ele teve um AVC Isquêmico, acho que hove falha na cirurgia e também achamos que o médico está nos escondendo a verdade, a onde o AVC foi Hemorragico e ele está dizendo que foi Isquemico. Diante do que eu lir sobre AVC, acho que foi Hemorragico, pois a sequela que meu irmão ficou é muita coisa para ser Isquemico. Mande-me dizer algo que tire minha duvida: aguardo resposta.

    Atenciosamente:

    Carlos Fagundes da Silva

  2. No ano de 2009 perdi meus pais em consequencia de um avc,meu pai faleceu em janeiro e minha mae em agosto os dois de avc isquemicomas os dois foram com diagnosticos diferentes, meu pai depois de um estado emocional muito grande e nevoso sentia uma pressão muito forte na cabeça foi levado com urgencia ao hospital e colocado no soro derepente ele deu um grito e virou os olhos foi imediatamente pra uti entrou em coma e veio a falecer depois de 10 dias…..já minha mãe foi derrepente foi dormir e quando entramos no quarto na manha do outro dia estava tendo colvulsões,foi levada para o hospital onde ficou internada durante 1 semana mas ficou com sequelas perdeu a fala e o movimento do lado direito,nas primeiras 2 semanas se alimenava por sonda depois começou a se alimentar com papinhas que eu fazia,mas não demorou muito para minha mãe se entregar,depois que voltei para minha casa já que moramos em cidades diferentes,ela parou de comer, entrou em desespero via vultos chorava muito ficou agressiva e não reconhecia mais as pessoas,ficou muito fraca e magrinha, foram 3 meses de sofrimento,ela teve o avc no dia 22/05 e desistiu de viver no dia 22/08……cientificamente eu queria entender o porque …….das causas tão diferentes entre os dois avcs;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;aguardo resposta! Gentilmente! sueli dos santos londrina

  3. O texto está muito rico de informaçoes!Parabéns , O melhor é que vcs divulgaram dentre as causas do AVC o uso de anticoncepcionais , muitos medicos receitam o uso mas nao fazem os exames necessarios sendo assim ,muitas mulheres estao fazendo o uso de ANTICONCEPCIONAIS a longo prazo e logo são vitimas deste Acidente Cerebral . Isto é muito sério devemos divulgar mais aletar as mulheres. Estou fazendo pesquisas e são muitos os casos.As mulheres tem que tomar cuidado quanto ao uso de anticoncepcionas.Se vcs puderem divulgar mais eu agradeço em nome de todas as mulheres que conhecem esse risco e pelas que ainda náo conhece.Grata ♥

  4. Meu marido teve um avc hemorrágico e está na UTI há 4 dias. Para agravar a situação, foi acometido de uma infecção pulmonar. Ele ´permanece em coma. Os médicos reduziram drasticamente os medicamentos para mante-lo desacordado e ainda assim ela não esboça nenhuma reação. Os médicos falam que a área atingida é nobre. Não sei o que fazer, estou desesperada. Por favor, quem já teve esse quadro me oriente.

  5. Meu pai teve AVE hemorragico em 2000 foi um chok ninguem esperava pois ele era hipertenso mas ninguem sabia ele chegou ir para o quarto mas faleceu 15 dias depois ..por isso cuidado com a alimentaçao gordurosas,cigarros, bebidas..pratiquem exercicios nao sejam sedentarios..
    Hj sou Fisioterapeuta e estou ajundando pessoas com AVE..
    Obrigada Deus pela força.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>