Amizade Animal

A amizade como o animal é uma das mais sinceras é o que todos dizem. Aliás, a frase comum costuma dizer que o “melhor amigo do homem é o cão”. Os exemplos da amizade entre os animais e o homem são tantos que não deixam dúvidas de que se trata, realmente, de um “casamento” perfeito e de uma relação muito forte.

Cachorro: O Melhor Amigo do Homem

Se fala tanto que o cão é o melhor amigo do homem. Mas, será por acaso ou simplesmente por causa dos exemplos dessa relação que podem ser observados?

O cachorro é um animal que tem muitas qualidades, além da sua personalidade. Ele pode ser muito protetor, companheiro e até mesmo agitado e por isso, conquistam rapidamente o amor do seu dono e das pessoas que estão em volta, quando chegam felizes para brincar. Para se ter uma ideia do sucesso do animal entre os homens, calcula-se que no Brasil, cerca de 37,1 milhões de casas tenham um cachorro. Aliás, número que se percebe também pelo interesse em investimento em lojas especializadas para animais domésticos ou serviços, a maioria para cães.

Porém, voltando a amizade animal pelo homem, os cães são ótimas companhias, para quem tem um em casa, não existe dúvida dessa boa relação, que pode ser exagerada para quem não experimentou ainda. Aliás, algumas pessoas dizem que é um exagero a afirmação de que um cão ou qualquer animal pode ser a melhor amizade de um homem. Mas, na verdade, nesta relação o que existe e faz dela tão especial é o fato de ser sincera, real e sem interesses.

Pesquisas Sobre a Relação de Amizade dos Animais

Foi realizada uma pesquisa nos Estados Unidos, na Universidade de Emory, sobre a relação de amizade dos animais e o modo com que eles demonstram o carinho e afeto com o homem. Foram analisados exames de ressonância magnética realizados em vários cães. A primeira conclusão foi que os cães, todos eles, demonstravam emoções como as dos homens.

Os pesquisadores fizeram o estudo dos cachorros que participaram, que eram treinados por adestradores, durante dois anos. Era necessário que eles ficassem dentro do aparelho de ressonância magnética na posição correta e usando a proteção auditiva. Pois só assim, os resultados estariam representando a realidade. Por isso, a necessidade de adestrá-los antes de começar os testes.

Depois de dois anos fazendo o teste, pela primeira vez, conseguiu-se fazer um mapa das reações cerebrais dos cães de acordo com o tipo de estímulo que foi feito. Foi então, que os pesquisadores concluíram que eles possuem muitas estruturas no cérebro semelhantes as do homem, destaque para aquela do mecanismo de “recompensas”.

Um dos testes que foi realizado com os cães é que enquanto o animal estava sendo submetido ao teste, tendo a sua atividade cerebral monitorada, o dono chegava de surpresa. Segundo os pesquisadores, neste momento, a parte de “recompensa” do cérebro era ativada e a interpretação era de demonstração de amor por parte deles. Para os especialistas, essa demonstração de amor do animal pelo homem demonstram que eles têm capacidade de apego, amor e deve ser visto de forma positiva. Podendo ser comparado com as emoções de uma criança.

Os testes que estão sendo realizados pelos estudiosos da universidade dos Estados Unidos ainda não foram concluídos, mas apesar disso, os pesquisadores garantem que será possível provar que sim, os animais têm muito amor pelo dono, mesmo aqueleas das raças mais difíceis de se perceber. Algumas raças os cães são mais afetuosos e também agem de forma super protetora com o dono, se agitando quando percebem que ele está em perigo e latem em qualquer mínimo sinal de que algo está errado. Outros são menos atentos, mas não significa que em uma situação real de perigo do dono não sairão na defesa dele.

O Apego do Animal Com o Dono

Os animais gostam dos donos, o cão, em especial está alerta para defendê-lo e cria apego, além de uma forte conexão emocional. Os animais podem criar esses laços de afeto com o homem, mas também entre eles, mesmo não sendo da mesma raça.

A inteligência do cão é mais do que comprovada, não é a toa que ele serve como os olhos do cego, no papel de cão-guia ou também pode ajudar deficientes físicos. O cão ainda treinado ainda pode ajudar nas missões de resgate ou em ações da polícia, graças ao seu apurado faro. Os cães são fundamentais em operações policiais quando é necessário encontrar droga escondida, pessoas perdidas, em resgates e buscas, em todos os casos, a capacidade do faro do animal é que é explorada.

Porém, apesar do cão ser um grande amigo do homem, está ficando cada vez mais comum ver pessoas maltratando esse animal, simplesmente pela vontade de cometer maldade. Outro fato preocupante é o das pessoas que pegam o cachorro para criar e em um determinado momento, decidem abandoná-lo, largado em qualquer lugar. Neste caso, existem dois problemas, o primeiro que o cão está acostumado com o dono e já criou um laço e sentirá falta dele e o segundo, que muitas vezes, as condições que ele é abandonado, fazem com que ele sofra e chegue até a morrer sozinho.

Para amenizar a situação dos cães abandonados, existem várias associações que recolhem, quando são avisadas, cuidam do animal e depois os disponibilizam para adoção. Por isso, é recomendado, para quem gostaria de ter um cão ou gato, que ao invés de comprar um animal, recorra a uma dessas associações e adote um.

Vale ressaltar que abandonar um animal é crime previsto na lei brasileira, sem falar que é um ato de covardia. Um bom amigo deve ser tratado com respeito e os animais já provaram o quanto podem ser fiéis e companheiros com o homem e entre eles. A amizade animal é verdadeira, real e deve ser retribuída por parte do homem da mesma forma. Os sentimentos dos animais devem ser respeitados. As pessoas que não estão preparadas para ter um animal de estimação, devem evitar.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Animais

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

Deixe um comentário