Curiosidades Sobre os Planetas

Olhar para o céu numa noite estrelada é algo mágico e que nos faz pensar a respeito de tudo o que existe além do que podemos enxergar. O sistema solar tem outros planetas além da Terra, mas a verdade é que pouco sabemos sobre eles. Se você também tem essa inquietação a respeito do que existe além do horizonte dos olhos conheça as principais curiosidades sobre os planetas.

Os Nomes dos Planetas

O nome “planeta” vem da palavra “planétes” que quer dizer errante. Já percebeu que boa parte dos planetas tem nome de divindades como Marte, por exemplo? Pois, esse costume vem da Antiguidade. Contudo, quando o Plutão foi descoberto (e era considerado um planeta) foi dada a sugestão de que o seu nome fosse uma homenagem a aquele que o descobriu, Percival Lowell.

Para não quebrar a tradição os acadêmicos aceitaram a sugestão de uma garota de 11 anos de idade chamada Venetia Burney que pesquisou em livros sobre mitologia e então deu a ideia de que o nome fosse Plutão. Para quem não sabe Plutão é o Deus da escuridão e das profundezas além de fazer uma homenagem ao seu descobridor nas suas primeiras letras.

Sem Chão

Você sabia que os planetas gigantes Netuno, Saturno, Urano e Júpiter não tem chão sólido? A falta de chão se deve ao fato de que a sua superfície é composta por gases que são densos e por uma camada pastosa. Além disso, todos esses planetas tem anéis, porém, são os de Saturno os mais visíveis por causa da intensidade do seu brilho.

Planetas Visíveis a Olho Nu

Os registros históricos nos levam a crer que os planetas que são passíveis de serem vistos a olho nu como a Terra, Mercúrio, Marte, Júpiter, Vênus e Saturno já eram conhecidos desde 3.000 a.C. Um forte indício disso é que os Babilônios foram os criadores da astrologia.

Os demais planetas somente puderam ser descobertos depois da invenção do telescópio. O planeta Urano foi descoberto no ano de 1781, já Netuno foi descoberto em 1846 e Plutão em 1930. Outros fatos ligados aos planetas somente puderam ser conhecidos depois que Isaac Newton descobriu a gravidade no século XVII. Esse dado foi essencial para fazer cálculos a respeito da interação entre os planetas.

Plutão – Ex-Planeta

Foi no dia 24 de setembro de 2006 que Plutão se tornou um ex-planeta. Essa resolução foi tomada pela União Astronômica Internacional durante a 26° Assembleia Geral da entidade que foi realizada em Praga. Nessa reunião os especialistas reconheceram que houve um erro de classificação de Plutão em 1930 quando foi feita a sua descoberta. Nesse momento Plutão faz parte da terceira categoria de astros do nosso Sistema Solar, os chamados planetas-anões. Além de Plutão outro planeta-anão é o objeto UB313 que foi descoberto no ano de 2005.

Terra

A palavra “terra” vem do latim e quer dizer solo, país ou região. Uma das explicações mais aceitas a respeito de porque nosso planeta se chama Terra é aquela escrita pelo grego Hesíodo no seu canto “Tegonia”. De acordo com esse canto Terra era uma das quatro divindades originais que nasceram antes de Tártaro e depois de Kaos. Essa divindade tinha forte ligação com o solo e daí veio o nome do nosso planeta.

Uma curiosidade a respeito da Terra é que o nosso planeta é o único que possui água no estado líquido. Os demais planetas tem atmosferas repletas de dióxido de carbono enquanto que o ar na Terra é abundante em oxigênio e nitrogênio. Os cientistas acreditam que o fato de a superfície da Terra estar sempre passando por mudanças devido aos terremotos e vulcões é o que faz com que aqui exista algo que não existe nos demais planetas, a vida.

Dias Menores

O terremoto que ocorreu no dia 26 de dezembro de 2004, perto da ilha de Sumatra e que chegou a 9 graus na escala Richter, foi o responsável por reduzir o achatamento da Terra e alterar a rotação do planeta bem como a sua forma. Esse terremoto teria reduzir uma parte em 10 bilhões o achatamento da Terra. Com isso os dias ficarem mais curtos em 2,68 microssegundos e o Polo Norte mudou de lugar em cerca de 2,5 centímetros.

Júpiter

O nome do planeta Júpiter é uma referência ao mais importante dos deuses romanos, a escolha do nome se deu porque o planeta é muito grande. Em comparação com a Terra Júpiter é 11 vezes maior. Para se ter uma ideia esse planeta possui três vezes mais massa do que todos os demais planetas juntos. Acredita-se que o planeta representa 70% de toda a matéria que gira em torno do Sol.

Saturno

O segundo maior planeta do Sistema Solar, Saturno, possui sete anéis no seu entorno. Cada um dos seus anéis é composto por inúmeros anéis menores, os anéis ficam uns dentro dos outros e são compostos por bilhões de partículas de gelo. O nome Saturno é uma homenagem ao deus grego da fartura, ele foi o primeiro planeta a ser descoberto pelos povos antigos. O planeta tem 33 luas conhecidas.

Urano

Uma curiosidade a respeito de Urano é que ele é o único planeta que gira deitado em volta do Sol. O seu movimento de rotação sobre seu eixo tem 98 graus enquanto que outros planetas tem zero grau e a Terra tem 23 graus. No começo o planeta se chamava Georgium Sidium como uma homenagem ao rei Jorge III da Inglaterra.

Foi somente em 1850 que o planeta passou a ter o nome do deus greco-romano que é considerado o Senhor dos Céus. Quando Urano é comparado com os outros planetas gigantes gasosos pode-se dizer que ele é sereno e brando.

Netuno

O nome Netuno, deus romano do mar, vem bem a calhar para esse planeta que é repleto de tempestades e ventos fortes. Netuno conta com oito satélites naturais e tem cinco anéis. Uma coisa curiosa é que ele tem uma camada de poeira, o que lhe dá um charme especial. Esse planeta fica 30 vezes mais longe do Sol que a Terra.

Mercúrio

O planeta que é considerado o planeta morto que possui várias crateras e quase não tem ar. Esse é o planeta que está mais perto do sol e cujo nome é uma referência ao deus romano homônimo que é um mensageiro. Como um mensageiro esse planeta viaja mais rápido do qualquer outro em torno da Terra. Um planeta que recebe sete vezes mais luz do que a Terra.

Vênus

Esse planeta é conhecido como o gêmeo da Terra porque os dois tem tamanho parecido, no entanto, é só no tamanho que eles se parecem. Como Vênus possui uma atmosfera densa tem um terrível efeito estufa que faz com que a temperatura chegue a 462°C. O nome Vênus é em homenagem a deusa romana do amor e da beleza, esse planeta é conhecido ainda como Estrela Vésper por poder ser visto a olho nu no amanhecer e entardecer.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Natureza

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário