A Mitologia Grega

Figuras que eram mistos de humanos e animais eram comuns na mitologia grega e muitas vezes tinham simbolizavam exatamente algum aspecto animal da natureza humana, como no caso dos centauros (a violência, rudeza) e os sátiros (o desejo desenfreado). Ambos eram comumente associados ao deus Dioniso, divindade também ligada ao lado instintivo do ser humano.

Os centauros

Mitologia Grega

Mitologia Grega

Os centauros são criaturas representadas como sendo parte humana e parte cavalo: Aonde haveria o pescoço do cavalo, brota um tronco humano. Há muitas possíveis origens para a lenda e muitos estudiosos crêem que as histórias sobre centauros tenham surgido devido ao contato entre tribo que não sabiam cavalgar com outras que já dominavam esta técnica, sendo que as primeiras confundiam-se com a visão de homens montados (alguns dizem que os astecas tiveram a mesma impressão dos espanhóis em seus cavalos). O centauro é também o símbolo do signo do zodíaco sagitário.

Estão envoltos em diversos dos mitos gregos, geralmente com antagonistas. Um dos acontecimentos mais famosos envolvendo os centauros é a centauromaquia tessaliana, confronto entre os centauros e os Lápitas, antigo povo da Tessália. Os centauros haviam sido convidados para o casamento de Pirítoo, mas desacostumados ao vinho, começaram a se tornar violentos e tentar atacar as mulheres lápitas. Uma grande batalha ocorreu e os centauros foram derrotados.

A morte do herói

Centauros

Centauros

Os centauros também foram adversários de Hércules muitas vezes, sendo que um dos centauros, Nesso, que foi a causa da morte do herói. Nesso tentou seqüestrar Dejanira, esposa de Hércules, e foi morto pelo herói. Antes de morrer Nesso convenceu Dejanira e levar um pouco de seu sangue, que deveria ser aplicado a uma túnica para Hércules, para que esse voltasse a amá-la, caso um dia ele se desinteressasse. Quando Dejanira um dia o fez, a túnica com o sangue envenenado matou o filho de Zeus.

Porém nem todos os centauros eram bárbaros primitivos, sendo que um dos mais notáveis dentre eles foi Quíron. Um centauro versado em muitas artes, principalmente na medicina e grande professor, foi o tutor de heróis como Jasão, Aquiles e o próprio Hércules.

Sátiros e faunos

Sátiros

Sátiros

Sátiros são seres associados ao deus Dioniso, que habitam as florestas e montanhas e estão ligados ao desejo sexual exacerbado e outros excessos, sendo muitas vezes representados na arte e nos mitos perseguindo ninfas ou donzelas. Também estão associados ao instrumento flauta. Os Faunos são criaturas da mitologia romana que estão associados aos sátiros em natureza e aparência. Aparência esta que em ambos é caracterizada por chifres e parte inferior do corpo de bode.

Aparecem em alguns mitos gregos como espíritos da natureza e seu líder era Sileno, sátiro venerável que acompanhava Dioniso, porém freqüentemente perdia-se em sua embriaguez.

O próprio deus Pã era representado como um sátiro. Os gregos também tinham em sua cultura as peças satíricas, que usavam essa figura mitológica para fins cômicos, sento que o termo “sátira” é usado até então para obras com certo tom de zombaria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>