Treino ABCDE ou ABC?

A academia muitas vezes é uma saída para quem quer se livrar do sedentarismo, porém, para quem começa a criar esse hábito podem existir muitas dúvidas, entre elas o tipo de treino a ser escolhido, e é disso que se trata esse artigo.

Antes de mais nada, é importante ressaltar o quanto uma avaliação física é importante. Fazê-la previamente apontará possíveis limitações de exercícios e ainda mostrar o real estado físico da pessoa que está se propondo a realizar essas atividades.

Também é necessário organizar o programa de exercícios, que deve ser compatível com os objetivos e necessidades de cada um. Esse planejamento deve ser feito conjuntamente com um personal trainer, e também precisa ser renovado com o passar do tempo, já que o corpo vai se acostumando e as pessoas também vão evoluindo, dessa forma, os exercícios também devem evoluir.

O personal trainer citado acima é um profissional que é formado em educação física e que tem como responsabilidade aplicar e orientar o treino e os exercícios de seu aluno, atuando de modo alinhado com as expectativas do mesmo e respeitando os princípios de treinamento.

É comum que nas primeiras semanas de academia os exercícios pareçam ser mais complexos e difíceis, mas com o tempo o corpo se adapta, então é importante não deixar a preguiça vencer e não ficar mais de dois dias sem se exercitar, pois as dores dos primeiros dias de exercício acabam melhorando quando se está treinando e a circulação aumenta novamente.

Como já foi citado acima, a orientação de um profissional é de extrema importância, principalmente na elaboração dos treinos, porém aqui serão apresentadas algumas dicas de treinos mais comuns, que são o ABC e o ABCDE.

Treino ABC

Esse tipo de treino é interessante para quem deseja ganhar massa muscular e é indicado pela maioria dos profissionais da área. A literatura atual e muitos atletas profissionais também são adeptos do ABC, porque uma das principais vantagens desse tipo de organização é o controle da intensidade do treino.

No treino ABC em geral são trabalhados dois treinos de cada grupo muscular por semana, fazendo com que o descanso – que é outro ponto essencial do treino – seja respeitado na medida certa, já que existem pesquisas que apontam que o ideal são de 72 a 96 horas de descanso entre os treinos do mesmo grupo.

Na sigla ABC, o A se refere aos treinos de pernas, o B os exercícios de “empurrar”, que trabalham principalmente peito, ombro e tríceps e o C os exercícios de “puxar”, que desenvolvem o dorsal, bíceps e abdômen. Abaixo estarão mais alguns detalhes de cada etapa do treino:

  • A: É interessante escolher o treino de pernas para ser o primeiro, já que desde que seja executado de forma correta, é uma maneira muito eficiente de demandar energia para o corpo, aumentando o anabolismo do corpo e consequentemente favorecendo o ganho de massa.
  • B: O treino B, de peitoral, ombros e tríceps é escolhido pois eles atuam conjuntamente e assim, fazendo com que eles sejam forçados juntos, o repouso de 72 horas é suficiente até o próximo estímulo.
  • C: Assim como o B, os princípios do treino C também são os mesmos. Trabalhando o dorsal, bíceps e abdômen, essa etapa treino ainda pode utilizar um pouco dos ombros, mas não é muito intenso.

Treino ABCDE

Essa divisão de treino possibilita que cada grupamento muscular seja exercitado uma vez na semana, porém consequentemente outros músculos também são trabalhados, ainda que em menor grau.

Esse tipo de treino pode ser indicado para a maioria das pessoas, desde que já exista uma experiência prévia do treinamento, e que se consiga esgotar a musculatura com poucos exercícios.

Existem profissionais que alegam que o treino ABCDE não é totalmente indicado para pessoas que seguem a linha natural e não utilizam anabolizantes nem nenhum hormônio ou suplementação, porém essa resposta não é totalmente correta e/ou unânime, já que também existe a questão da individualidade de cada pessoa, reagindo a esses estímulos de formas diferentes.

Então algumas dicas para pessoas que desejam realizar esse treino são que essa divisão não é recomendada para iniciantes, como já foi dito anteriormente, porque no ABCDE o foco é a maior obtenção de dedicação em um musculo em um único dia. Também é importante deixar claro que a ideia não é fazer com que seja necessário passar muito tempo na academia, mas sim obter o melhor resultado em um tempo reduzido.

As vantagens do treino ABCDE são o isolamento muscular mais efetivo e a possibilidade de se realizar treinos mais rápidos. Já as desvantagens são a dificuldade na alteração e na evolução das cargas e também a grande fadiga no sistema nervoso central.

Quando se perde um dia de treino, deve se continuar a sequência e não tentar retomar o dia que foi perdido.

Com essas explicações de cada treino, é um pouco mais fácil realizar a escolha do que é mais indicado para cada pessoa, mas é sempre importante lembrar que existem outros tipos de treino e que a ajuda de um profissional é fundamental.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Esporte

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários não estão liberados.