Frieira ou Pé de Atleta

Quem de nós nunca teve um problema nos pés? Difícil de encontrar alguém que não tenha sofrido pelo menos em uma ocasião com a incidência das famosas frieiras ou pé de atleta, pois esta é uma das mais comum infecções que a pele pode sofrer e que é causada por fungos. Se caracteriza por uma intensa vermelhidão no local afetado, além de rachaduras, sendo que os dedos dos pés são locais normalmente mais atacados causando muita coceira e ardor nos locais afetados.

A frieira ou pé de atleta é causado pelo fungo Tricophyton que, apesar de dar preferência aos pés, pode surgir na pele em qualquer local de nosso corpo causando manchas vermelhas acompanhadas de intensa coceira. As manchas, em geral, são arredondadas e apresentam escamação sendo que apesar de ser uma doença que afeta as mulheres, tem maior incidência nos homens, além de ser bem mais comum nos climas quentes e úmidos do que nos climas frios.

Essas frieiras ou pé de atleta podem ocorrer no couro cabeludo e quando isso acontece pode acontecer de causar a queda dos cabelos com manchas que descamam. Outro lugar comum de aparecer frieira é na virilha e aí tem a denominação de coceira de jóquei e, além de coceira, causa inchaço. Nos casos mais sérios pode escorrer um líquido em local onde se formam rachaduras e então a pele fica mais sensível e dolorida, causando um grande incomodo, mal-estar, ardência e mesmo dor em casos nos quais demora mais a sarar.

Um tratamento se faz necessário de imediato, pois não esqueça que uma infecção secundária causada por bactérias pode tornar o quadro bastante complicado exigindo cuidados redobrados. A frieira ou pé de atleta é facilmente transmitida de maneira direta pelo toque ou até mesmo pelo contato indireto em banheiros, praias, piscinas ou qualquer outro lugar que tenha contato com a bactéria, como alertado pelos agentes de saúde.

Tratamento Frieiras

Tratamento Frieiras

Para evitar a frieira ou pé de atleta basta alguns cuidados básicos com seus pés como é o caso de secar bem entre os dedos, se possível até com secador, colocar algodão entre os dedos, trocar seguidamente as meias ventilando os pés nessas ocasiões, não usar meias de material sintético, procurar usar tênis não muito vedado ou justo, fazer uso de chinelos sempre que usar banheiros ou sair de piscinas. Você deve ainda ter o cuidado de observar suas unhas dos pés e caso elas pareçam esbranquiçadas procure um médico, pois este é um sintoma de que ela foi atacada por bactéria e assim precisa de tratamento.

Não use medicamentos ou qualquer talco sem a indicação de um profissional, pois corre o risco de piorar o problema. Muitas pessoas têm frieira ou pé de atleta nas mãos e é terrível, pois não há como evitar molhar o local e não há receitas mágicas que possam curar somente os cuidados resolvem. Portanto, tendo algum desses sintomas, procure algum profissional na área de saúde.

9 comentários

  1. vai te lascar!

  2. ki nojo

  3. ALSKSLALSKASASKAL , leegal aii !

  4. Então, essa paradinha aí foi o que salvou minha pele, minha nota e meu quase castigo :}
    valeu aí hein, é nogentinho mais meu professor gosta de coisas assim , então tá, tchau bjsbjs

  5. que nojento!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! mas interesante

  6. “legal”, “nojento”!
    Bando de moleque. Se for para postar algo do tipo é melhor ficar calado.
    Vai se tratar bando de doente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>