Quais São os Bandidos Mais Perigosos do Brasil

Confira Lista Dos Dez Criminosos Mais Perigosos.

Todos sabem que o crime não compensa. Aliás, quase todos. Existem pessoas que insistem em complicar a própria vida e a vida dos outros praticando crimes. É claro que essas pessoas todas deveriam estar presas e é dever de cada cidadão zelar para que essa ordem se cumpra. Para eleger os criminosos mais perigosos e procurados foi considerada o grau de influencia que o bandido possui sobre a sociedade. A natureza do crime e a quantidade de vítimas também é importante para medir a periculosidade.

Principais

Veja Quem São os Homens Que Deveriam Ser Mantidos Presos Por Um Bom Tempo:

Pedrinho Matador

Este criminoso é um psicopata, que cometeu seu primeiro crime aos 14 anos de idade. Calcula-se que ele tenha matado mais de cem pessoas ao longo de sua vida criminosa. Chegou a matar o próprio pai, e somente dentro dos presídios que passou assassinou mais 40 pessoas. Para pagar por todos os seus crimes, precisa ficar preso 128 anos.

Dudu

Comandou ações do Comando Vermelho, quadrilha de traficantes do Rio de Janeiro. Seu maior ataque resultou em 14 mortes em 2004 – seus crimes o condenaram a 73 de prisão.

Quais São os Bandidos Mais Perigosos do Brasil

Comendador Arcanjo

Este outro bandido foi condenado a 37 anos de prisão por crimes como formação de quadrilha e outros 7 por crime de posse ilegal de armas e contrabando. Além das penas que já foram julgados e estão sendo aplicadas, ele ainda responde por mais 5 processos. Ele era agente da polícia civil e é chefe do crime organizado no estado DE Mato Grosso.

Julinho Carambola

Este homem era o braço direito do chefe do PCC, Marcola.

Marcola

Foi condenado a 44 anos de prisão por vários crimes, dentre eles assaltos a banco. Foi líder do PCC, e chegou a liderar rebeliões em 82 penitenciárias ao mesmo tempo. A cão foi completada com assassinatos de policiais e incêndio de veículos.

Nomes

Fernandinho Beira-Mar

Este traficante foi condenado a 11 anos de prisão por tráfico de drogas em Minas Gerais e a 21 anos por tráfico de drogas no Rio de Janeiro. Além do tráfico de drogas é acusado também por lavagem de dinheiro, contrabando e tráfico internacional. Liderou rebeliões de dentro do presídio e é ligado ao Comando Vermelho.

Isaias do Borel

Este fora da lei é um dos principais líderes da facção criminosa Comando Vermelho. Comandou várias ações criminosas que resultaram em alguns mortos e vários feridos, além de vários veículos incendiados. Todos esses homens estão presos. Trocaram sua liberdade por dinheiro, e agora não podem nem desfrutar do dinheiro que obtiveram ilegalmente.

Andressa Silva.

9 comentários

  1. essas pessoas,bom eu acho que elas nem merece ser chamado
    de pessoa, tinham era que morrer

  2. nao adianta acabar com esses vagabundos se ainda continuan cultivando coca na colombia e no peru ,por isso sempre vai ter esses tipos de animais e virao outros e depois outros e com isso so quem perde e os trabalhadores que sao roubados..

  3. cadeira eletrica cada bandido que estiver mais de cinco inquerito pena de morte mais para isso precisa ser apurado juntamente com pessoas preparada e nao corruptas ai veremos se nao ia acabar pode ser que nao mais ia diminuir muito

  4. Primeiro tem que acabar com os bandidos que estão lá em Brasilia, e em seguida exterminar os demais.

  5. vou chamar a policiaaaaaaaaa

  6. luiz fernando da costa

    os verdadeiros bandidos nao sao esses q estao nos morros pesados de armas ate os dentes. sao esses q estao em brasilia de terno e gravata.

  7. oxi a vida e delis elis fazen o que que

  8. O mundo e enganado pela midia o tempo todo, a verdade isso o q acontece aki e so o troco pela nossa omição de permitir que bandidos governem nosso pais…

  9. tinham que ser fuzilado em paredao em pedacinhos depois queimas como churrasquinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>