Exploração do Solo do Planeta Marte

Pode parecer filme de ficção, mas é a pura verdade. Cientistas estão tentando produzir organismo vivos em Marte em condições semelhantes as do nosso planeta. Aos poucos vão surgindo aspectos de um projeto, que prevê uma estufa pressurizada cheia de micro-organismos, que podem fertilizar o solo marciano através do fornecimento de material organico (oxigenio e alimentos), transformando as rochas marcianas em um solo fertil para sobrevivencia de plantas, transformando um planeta infertil, num planeta com seres vivos, inclusive vegetação

Planeta

Funcionamento do Projeto

Apesar da instalaçao de uma base para pesquisas no solo marciano, ainda estar bem longe de acontecer,mesmo assim os astrobiologos (Especialistas responsaveis pela condução do programa espacial) do Instiuto de Pesquisa de Ciencias Espaciais e Planetárias, no Reino Unido, conduziram um estudo que consistia no envio de uma capsula denominada Biopan, que levava amostras de rochas terrestres,sendo posteriormente transportada para a orbita da terra , liberando seus conteudos ao vacuo espacial, com o objetivo de verificar o que iria acontecer. Quando elas foram recuperadas pelos cientistas, tinham resistido por um periodo de dez dias no espaço,tempo considerado bastante longo, pois toda radiação solar ultravioleta, que é fatal para organismos vivos, tinha sido filtrada por elas. A conclusão inicial é que os altos indices dessa radiação no planeta Marte, são capazes de esterilizar qualquer elemento deixado em sua superficie, então para que haja organismo vivo, é preciso uma proteção especifica, e essa seria uma estufa especialmente criada para esse fim. Esses experimentos também serviram para mostrar que a orbita terrestre baixa pode ser utilizada para seleção de organismos resistentes usados em aplicações no espaço. Marte apresenta uma serie de caracteristicas, que fazem os cientistas ficarem bastante otimistas, quanto ao inicio da vida organica lá. Por exemplo,no meio do verão marciano a temperatura chega a 20 graus e a atmosfera é quase toda constituida de dioxido carbonico, um fator essencial para organismos que produzem a fotossintese, processo que as plantas terrestres utilizam frequentemente. No entanto, uma preocupação para os cientistas é o basalto vulcanico, que forma a maior parte do solo de Marte, o que inviabliza sua fertilidade. Uma solução viavel, seria a utilização de bacterias que se alimentam dessa substancia constituindo um primeiro passo para resolução desse problema.

Exploração

A ciencia atual aponta cada vez mais para a existencia de organismos vivos em outros planetas do sistema solar. Essa evolução cientifica seria o principio da habitação pelo homem, não só na Terra, como em outros lugares da via lactea. Se as pesquisas evoluirem até esse ponto, será um grande avanço para toda a humanidade. No entanto ,esse processo é longo e requer muita experiencia e disposição cientifica para testagem em larga escala, no intuito de conseguir elementos para a realização desses projetos espaciais.

Estufas

Salete Dias

Um comentário

  1. nada a vê com o que eu quero

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>