Quem Venceu a Guerra Fria?

Por mais de 45 anos, as superpotências da antiga União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (URSS) e os Estados Unidos duelaram na chamada Guerra Fria.

Embora a Guerra Fria foi uma em grande parte de ameaças, houve muita violência real, também. A agressão entre os Estados Unidos e a URSS e transbordou em lugares como Angola e Nicarágua, e as duas nações travaram guerras por procuração – os conflitos entre as partes de uma terceira nação, ou apoiado por E.U. ou pela URSS.

Guerra Fria

As nações européias serviram como bases de mísseis nucleares de ambos os lados. Nos estados satélites soviéticos, as populações foram reprimidas e subjugadas por um regime comunista. O ditador chileno Augusto Pinochet tolerava seqüestro e assassinato da população de esquerda no âmbito de um regime apoiado pelos EUA. E a psique global foi atormentada pela ansiedade durante a guerra nuclear possível.

A Queda da URSS

O impasse tenso que caracterizou a Guerra Fria terminou quando ocorreu o colapso da União Soviética em 1991, tornando-se a Federação Russa. Essa queda foi precedida por revoluções na Polônia e na Tchecoslováquia, bem como a queda do Muro de Berlim. Quando a URSS caiu, os estados Soviéticos foram dissolvidos. O fim da Guerra Fria veio tão abruptamente que, mesmo anos mais tarde, a descrença apoderou-se do Ocidente.

Colapso

Um episódio de 1998 do programa de TV americano “The Simpsons” retrata um representante russo nas Nações Unidas, referindo-se ao seu país como a União Soviética. “União Soviética?” pergunta o delegado americano. “Eu pensei que tinha acabadou.” “Nyet! Isso é o que nós queríamos que você pensa!” o delegado soviético responde e ri sinistramente.

Esta cena ressalta uma característica da conclusão da Guerra Fria: a incerteza. O que exatamente levou à queda da União Soviética? Foi o colapso inevitável da URSS, ou os Estados Unidos aceleraram sua desintegração?

Será que os E.U. Bateu a União Soviética?

Historiadores acreditam que os americanos ganharam a Guerra Fria, grande parte concorda que a vitória americana foi garantida através das finanças. Os Estados Unidos venceram os soviéticos através de guerras e da corrida armamentista nuclear. Mas essa drenagem financeira pode não ter sido possível sem a acumulação sem precedentes de armas nucleares.

Em resposta, a URSS resolveu ultrapassar os americanos nas capacidades nucleares. Esta intensa pesquisa e desenvolvimento nuclear não é barata. Em 1963, os Estados Unidos gastaram 9 por cento do produto interno bruto do país em matéria de defesa nacional – cerca de 53,5 bilhões dólares.

Ganharam

Ao longo da década de 1960, os americanos continuaram a reforçar seu arsenal nuclear. No entanto, durante os anos 70, os presidentes Ford e Carter favoreceram fortes críticas das políticas soviéticas sobre o armazenamento de armas nucleares. Quando o presidente Ronald Reagan assumiu o cargo em 1981, ele revigorou gastos com a defesa.

Muitos historiadores creditam a Reagan os golpes que finalmente derrubaram a União Soviética. Este projeto incompleto, popularmente chamado de Star Wars, teria custado centenas de bilhões de dólares. Apelou para o armamento do espaço exterior – um escudo composto por uma rede de mísseis nucleares e lasers no espaço que seria interceptar uma fonte. Esta iniciativa foi o auge da corrida tanto o espaço e a corrida armamentista entre os americanos e a URSS.

2 comentários

  1. VALEU ME AJUDOU MUITO MAIS PODERIAM DEIXAR MAIS DEFINIDO!!!!

  2. Leanndro Sousa Caracas

    Poderia ser um pouco mais claro do que a pergunta esta pedindo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>